Visitas:
Catalão, -
Índice de criminalidade recua em Goiás

 

 
Em 60 dias, houve redução de homicídios, tentativas e roubo de veículos. Ações deflagradas pela PM em todo o Estado contribuíram com a recaptura de 577 foragidos da Justiça, apreensão de 408 armas de fogo, 855 apreensões de drogas e a recuperação de 1.685 veículos com registro de furto ou roubo

Dados do Siscop (Sistema de Controle Operacional) da Polícia Militar apontam redução na criminalidade em Goiás nos últimos 60 dias. De acordo com o levantamento realizado junto ao sistema que registra o controle e monitoramento em tempo real de ocorrências, o número de homicídios no Estado reduziu em 15,5%, de 355 para 300; as tentativas de assassinato caíram de 426 para 401, 5,9%; e o roubo de veículos recuou 12%, de 1.355 para 1.192. Os dados foram contabilizados considerando o período de 21 de janeiro a 24 de março comparado a 25 de março a 23 de maio deste ano.

Conforme o balanço apresentado, comparando com o período anterior, o número de assassinatos nos cinco maiores regionais da PM que atendem a capital, Região Metropolitana e Entorno de Brasília, caiu em 14,4%, de 264 para 226. Já as tentativas reduziram de 275 para 239, 13,1%. Também houve queda de 1.292 para 1.136 (12%) na quantidade de veículos roubados. Roubo a pessoas reduziu de 1.795 para 1.728, 3,7%; e roubo a comércios apresentou decréscimo de 1.040 para 1.033, 0,7%.

Em Goiânia, o número de homicídios recuou em 17,4%, de 85 para 71; as tentativas de assassinato caíram de 132 para 93, 29,5%; e o número de veículos roubados reduziu em 13,3%, de 829 para 719 O resultado segue positivo para o Entorno de Brasília com redução de 77 para 72 (8,9%) na quantidade de assassinatos, e Aparecida de Goiânia com a diminuição de 67 para 57 nos registros de homicídio.

Comandante-geral da Polícia Militar, coronel Silvio Benedito Alves, atribuiu a redução nos índices de criminalidade às ações implantadas para prevenir crimes em todo o Estado. “Desde que assumimos o Comando-Geral da corporação uma das nossas primeiras medidas foi intensificar o policiamento nas ruas, seguindo as diretrizes da Secretaria de Segurança Pública e do Governo do Estado, combatendo o tráfico de drogas, recapturando foragidos da Justiça e retirando armas de fogo de circulação”, enfatiza o comandante.

Balanço - Em 60 dias, as ações preventivas realizadas em Goiás contribuíram com a recaptura de 577 foragidos da Justiça, apreensão de 408 armas de fogo, 855 apreensões de drogas e a recuperação de 1.685 veículos com registro de furto ou roubo. Só em Goiânia, a PM recapturou 230 foragidos e retirou 87 armas de fogo ilegais de circulação. 


Fonte: Polícia Militar do Estado de Goiás












comments powered by Disqus

Notícias Relacionadas


'Jamais pensei estar desse lado', diz promotor que teve filha assassinada
Menino de 11 anos morre com suspeita de gripe A em Goiânia
Menor tenta fugir em moto, mas bate em carro da polícia e é apreendido
Acusada de matar mulher para ficar com bebês gêmeos vai a júri popular
PF deposita R$ 1,3 milhão achado em carro em conta judicial, diz delegado
© 2012 CATALÃO URGENTE. Todos os direitos reservados